Cores e Criatividade

Por: Renata Mello

Nesta quarta-feira (2), a empresa Portoro especializada em revestimentos, louças e metais sanitários ofereceu aos arquitetos e designers, a palestra “Cores e Criatividade” com Elisabeth Wey, pesquisadora conhecida por definir bienalmente as cores-tendências brasileiras e por presidir o Comitê Brasileiro de Cores (CECAL). 

O evento também contou com a participação especial do publicitário Paulo Lacerda, que expôs sua expertise sobre o tema da criatividade, após sua permanência na Universidade de Buffalo em Nova Iorque. 

No início destas apresentações, uma indagação!

O que é criatividade para você?

Paulo deixou claro que NÃO significa INVENÇÃO. Criatividade para ele é RESOLVER PROBLEMAS. Para tanto é necessário olhar, perguntar, questionar e duvidar. O arquiteto ou designer precisa inicialmente compreender profundamente seu cliente e definir com clareza o problema. Entre a descoberta do desafio apresentado até o momento “Eureka”, o trabalho deve ser árduo, envolvendo uma profunda imersão, pesquisa, crítica e muita lapidação para que de fato uma ideia se torne um projeto.

Elisabeth ilustrou esse trajeto criativo, contando o processo de elaboração de seu livro “Cores do Brasil”, que começou com uma pergunta aparentemente óbvia, mas difícil de ser respondida: “Quais são as cores do Brasil?”

O primeiro instante foi de incertezas, mas após muitas conversas com profissionais de diversas áreas, chegou-se a conclusão que a atmosfera brasileira é única e que a paleta de cores deveria ser extraída desse recorte. O olhar para a natureza foi essencial para captar os momentos efêmeros do nascer e do entardecer e suas nuances cromáticas.

Como resultado do processo, as matizes encontradas foram tons mesclados. O efeito próprio encontrado pela aquarela. Após chegar nessa conclusão, Elisabeth convidou alguns profissionais para criarem produtos com esta proposta, como é o caso da estampa produzida pela arquiteta Ana Cristina Ávila, que teve seu trabalho exposto no evento. 

Tapete

Arte de Ana Cristina Ávila – Foto: Renata Mello, 2017

Outra novidade revelada neste encontro foi que as cores do Brasil definidas como tendência pela cartela CECAL para 2017 – 2019 já estão disponíveis na Portoro para a pintura de paredes, madeiras e metais. 

Sem dúvida, uma boa notícia para os profissionais que possuem como desafio trabalhar constantemente com a criatividade e que desejam surpreender positivamente seus clientes. “Bora criar”! 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s