Poesia: Flores

Por: Renata Mello

Apenas são!
Extremamente belas.
Simplesmente sensacionais.
Sensibilidade extremada.

Obras perfeitas.
Surpreendente nas formas.
Sutileza nos detalhes.
Arrojadas nas cores.

Beleza que encanta.
Delicadeza que seduz.
Vibram positivamente.
Causam fascínio.

Seres da Abundância.
Da magnitude.
Do amor.
Da luz.

Únicas e cativantes.
Divinas por natureza.
Transmutam perante os olhos.
Modificam-se com o tempo.

Raras ou abundantes.
Necessitam de cuidados.
Pedem com delicadeza.
Para serem cultivadas.

Oferecem seu perfume.
Presenteiam com as cores.
Acariciam ao tocá-las.
Conquistam no silêncio.

Energia poderosa.
Que transforma os corações.
Ilumina os olhares.
Une as pessoas.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s